Foto de João Gabriel Tréz
clique para exibir bio do colunista

João Gabriel Tréz é repórter de cultura do O POVO e filiado à Associação Cearense de Críticos de Cinema (Aceccine). É presidente do júri do Troféu Samburá, concedido pelo Vida&Arte e Fundação Demócrito Rocha no Cine Ceará. Em 2019, participou do Júri da Crítica do 13° For Rainbow.

João Gabriel Tréz cinema&série

49º Festival de Gramado será híbrido; saiba como assistir aos filmes

49º edição do Festival de Cinema de Gramado repete modelo híbrido e disponibiliza filmes das mostras competitivas na TV e no streaming
Tipo Notícia
'Homem Onça', dirigido por Vinicius Reis, se passa no Rio de Janeiro da segunda metade dos anos 1990 e tem como mote os impactos da privatização de uma grande estatal (Foto: Eduardo Martino & Andrea Testoni / Zuppa Filmes)
Foto: Eduardo Martino & Andrea Testoni / Zuppa Filmes 'Homem Onça', dirigido por Vinicius Reis, se passa no Rio de Janeiro da segunda metade dos anos 1990 e tem como mote os impactos da privatização de uma grande estatal

Apesar do calor e das paisagens bem diferentes, será possível viver em Fortaleza pelo menos um pouco da experiência do Festival de Cinema de Gramado. O evento gaúcho chega à 49ª edição replicando o formato híbrido que marcou a realização no ano passado. Além das exibições presenciais no Palácio dos Festivais, o público não somente da capital cearense, mas de outras cidades do País, poderá ter acesso à parte dos longas e curtas em competição pela TV e pelo streaming. Confira detalhes!

Leia também | Confira mais informações e opiniões sobre cinema na coluna Cinema&Série, com João Gabriel Tréz

Longas

Há três mostras diferentes no evento: de longas brasileiros, estrangeiros e gaúchos. Os filmes das duas primeiras terão exibição única no Canal Brasil, a partir de 21h30, entre 13 e 19 de agosto. Será possível, no mesmo horário, assistir aos filmes nos serviços de streaming Canais Globo e Globoplay Canais ao Vivo. Já os filmes gaúchos ficarão disponíveis, entre 16 e 21 de agosto, nos Canais Globo e na Globoplay Canais ao Vivo.

Curtas

- Os 14 filmes da mostra brasileira terão exibição única no Canal Brasil ao longo dos dias e, entre os dias 14 e 21 de agosto, estarão acessíveis na Globoplay.

- Os debates das obras ocorrerão entre os dias 14 e 20, sempre às 11 horas, nas redes sociais do evento.

- Entre os selecionados, está o cearense "A Beleza de Rose", de Natal Portela, que venceu o Troféu Samburá de Melhor Direção no 30º Cine Ceará, entregue pelo Vida&Arte e pela Fundação Demócrito Rocha.

- Já os curtas gaúchos ficam disponíveis no streaming entre 14 e 21 de agosto.

Seleção de longas

Brasileiros

"Jesus Kid" (PR), de Aly Muritiba
"A Primeira Morte de Joana" (RS), de Cristiane Oliveira
"O Novelo" (SP), de Claudia Pinheiro
"Carro Rei" (PE), de Renata Pinheiro
"Homem Onça" (RJ), de Vinícius Reis
"A Suspeita" (RJ), de Pedro Peregrino
"Álbum de Família" (RJ), de Daniel Belmonte

Estrangeiros

"La teoría de los vidrios rotos" (URU, ARG, BRA), de Diego Fernández Pujol
"Pseudo" (BOL), de Gory Patiño e Luis Reneo
"Gran Avenida" (CHI), de Moises Sepulveda
"Planta Permanente" (ARG, URU), de Ezequiel Radusky

Gaúchos

"Extermínio", de Mirela Kruel
"A Colmeia", de Gilson Vargas
"Cavalo de Santo", de Mirian Fichtner e Carlos Caramez

Seleção de curtas

Brasileiros

"Da Janela Vejo o Mundo" (PR), de Ana Catarina Lugarini
"O Que Há em Ti" (SP), de Carlos Adriano
"A Fome de Lázaro" (PB), Diego Benevides
"Per Capita" (PE), de Lia Letícia
"Quanto Pesa" (MA), de Breno Nina
"Animais na Pista" (PB), de Otto Cabral
"Desvirtude" (RS), de Gautier Lee
"Aonde Vão Os Pés" (PR), de Débora Zanatta
"Fotos Privadas" (RJ), de Marcelo Grabowsky
"Memória de Quem (Não) Fui" (RJ), de Thiago Kistenmacker
"Entre Nós e o Mundo" (SP), de Fabio Rodrigo
"Stone Heart" (AM), de Humberto Rodrigues
"Eu Não Sou Um Robô" (RS), de Gabriela Lamas
"A Beleza de Rose" (CE), de Natal Portela

Gaúchos

"Jardim das Horas", de Matheus Piccoli
"Cacicus", de Bruno Cabral e Gabriela Dullius
"Era uma Vez… uma Princesa", de Lisiane Cohen
"Depois da Meia Noite", de Mirela Kruel
"Para Colorir", de Juliana Costa
"Um dia de primavera", de Lisi Kieling
"Nave Mãe", de Gisa Galaverna e Wagner Costa
"Rota", de Mariani Ferreira
"Tormenta", de Emiliano Cunha e Vado Vergara
"Não Sou Eu", de Theo Tajes
"Comboio pra Lua", de Rebeca Francoff
"Fé", de Thais Fernandes
"Tom", de Felippe Steffens
"Solilóquio", de Marcelo Stifelman
"Nilson filho do campeão", de Diego Tafarel
"Eu não sou um robô", de Gabriela Lamas
"Desvirtude", de Gautier Lee
"Noite Macabra", de Felipe Iesbick
"Love do Amor", de Fabrício Koltermann
"Isso me faz pensar", de Hopi Chapman
"Brecha", de Helena Thofehrn Lessa
"Rufus", de Eduardo Reis
"Hora feliz", de Alex Sernambi
"Trem do Tempo", de Vitor Rezende Mendonça

49º Festival de Gramado

Quando: de 13 a 21 de agosto
Onde: Canal Brasil, Globoplay e Canais Globo
Mais informações: www.festivaldegramado.net e @festivaldecinemadegramado

Podcast Vida&Arte
O podcast Vida&Arte é destinado a falar sobre temas de cultura. O conteúdo está disponível nas plataformas Spotify, Deezer, iTunes, Google Podcasts e Spreaker. Confira o podcast clicando aqui

Essa notícia foi relevante pra você?
Logo O POVO Mais