Eliomar de Lima
clique para exibir bio do colunista

O jornalista Eliomar de Lima escreve sobre política, economia e assuntos cotidianos na coluna e no Blog que levam seu nome. Responsável por flashes diários na rádio O POVO/CBN e na CBN Cariri.

NOTÍCIA

Presidente da Fiec assume comando da Associação Nordeste Forte

Criada em 29 de novembro de 2016 para promover ações de desenvolvimento socioeconômico na região Nordeste, a entidade atua para contribuir em favor da competitividade da indústria da região
Ricardo Cavalcante preside a Fiec
Ricardo Cavalcante preside a Fiec

O presidente da Federação das Indústrias do Ceará (Fiec), Ricardo Cavalcante, vai tomar posse, às 19 horas desta segunda-feira, como presidente da Associação Nordeste Forte. O ato, restrito, ocorrerá na sede da Confederação Nacional da Indústria (CNI), em Brasília.

Ricardo Cavalcante foi eleito por aclamação em outubro do ano passado e estará na cerimônia acompanhado por alguns diretores da federação. O mandato à frente da Associação é de dois anos.

Na ocasião, também tomam posse Eduardo Prado, presidente da Federação das Indústrias do Estado de Sergipe (FIES), como vice-presidente financeiro da Associação, e José Carlos Lyra, presidente da Federação das Indústrias do Estado de Alagoas (FIEA), como vice-presidente secretário da entidade.

“O meu papel na Associação Nordeste Forte será construir conjuntamente uma agenda de ações que possibilitem aproveitarmos o potencial criativo e inovador da região, buscando a identificação e a articulação das obras de infraestrutura necessárias à competitividade da indústria, das melhorias necessárias ao ambiente de negócios para impulsionar o desenvolvimento de diversos setores estratégicos, a exemplo das energias renováveis, e trabalhar os temas estratégicos e transversais da região", afirma Cavalcante.

A Entidade

Criada em 29 de novembro de 2016 para promover ações de desenvolvimento socioeconômico na região Nordeste, a Associação Nordeste Forte atua para contribuir para a competitividade da indústria e para fazer com que a economia cresça, buscando a redução das desigualdades regionais e a construção de um Nordeste mais forte.

Essa notícia foi relevante pra você?
Logo O POVO Mais