Eliomar de Lima
clique para exibir bio do colunista

O jornalista Eliomar de Lima escreve sobre política, economia e assuntos cotidianos na coluna e no Blog que levam seu nome. Responsável por flashes diários na rádio O POVO/CBN e na CBN Cariri.

Opinião

Artigo - "Todo respeito aos professores"

Com o título "Todo respeito aos professores!", eis artigo de Acrísio Sena (PT), deputado estadual. Ele repudia fala do líder do governo na Câmara, Ricardo Barros (PP), que afirmou que "só professor não quer trabalhar na pandemia". Confira:
DEPUTADO Acrísio Sena
DEPUTADO Acrísio Sena

Em entrevista recente à CNN Brasil, o líder do governo Bolsonaro na Câmara dos Deputados, Ricardo Barros (Partido Progressista), afirmou que “só o professor não quer trabalhar na pandemia”. A fala é coerente com a prática de um governo que representa as principais bandeiras do retrocesso educacional. O presidente Bolsonaro já disse que não vê sentido no fato dos professores não estarem trabalhando presencialmente. É um modus operandi conhecido. Entrar em conflito direto, criar um escândalo e gerar confusões junto à opinião pública. O pronunciamento do líder governista produziu revolta e indignação em diversas entidades, associações e sindicatos!

Pesquisas confirmam o perigo sanitário de realizar a abertura indiscriminada das escolas. Estudo divulgado em 20/04/21 pela Repu (Rede Escola Pública e Universidade), coordenado pela USP e UNIFESP, com base em dados coletados em 229 escolas estaduais em 15 cidades, mostrou que o risco de um professor ou um funcionário se contaminar com coronavírus com o retorno às atividades presenciais é quase três vezes maior (192%) do que a população em geral, entre 25 e 59 anos.

Outro ponto que representa a total ignorância e o desprezo do governo federal pela educação é o discurso de que os nobres professores não estariam trabalhando ou não querendo se modernizar. Praticamente todos os professores – da rede básica ao ensino superior – tiveram sua jornada de trabalho ampliada. Fazendo uso de recursos próprios para manter um aparato técnico, se atualizando e garantindo a qualidade das aulas. Motivando alunos. Indo muito além de suas atribuições. São heróis que estão exaustos. Psicologicamente abalados. Sem falar nos milhares que não resistiram e tiveram a vida abreviada.

A campanha para integrar e iniciar urgentemente a vacinação dos profissionais da educação é condição fundamental para o retorno presencial das atividades escolares! É o que está acontecendo em todo mundo! Nenhum profissional deve se submeter à condições suicidas de trabalho! Os professores merecem palavras de incentivo por parte das autoridades políticas! Por isso, na condição de professor e vice-presidente da Comissão de Educação da Assembleia Legislativa, venho manifestar meu mais profundo repúdio ao discurso do deputado Ricardo Barros! Como disse o cientista Miguel Nicolelis, “basta!” desse governo genocida que tanto maltrata a educação! Todo respeito e admiração aos guerreiros do conhecimento!

Acrísio Sena,

Deputado estadual e Vice Presidente da Comissão de Educação da Assembleia Legislativa - CE

Essa notícia foi relevante pra você?
Logo O POVO Mais