clique para exibir bio do colunista

Colunista do O POVO, Alan Neto é o mais polêmico jornalista esportivo do Ceará. É comandante-mor do Trem Bala, na rádio O POVO/CBN e na TV Ceará. Aos domingos, sua coluna traz os bastidores da política e variedades.

alan-neto • Análise

Muita fumaça para pouco fogo

Por

1. COLUNA derrapou e corrige. Bolsonaro não ganhou jaqueta de couro de cabra, presente do deputado Domingos Neto. Antes, fosse. Ganhou, isto sim, uma manta de carneiro dentro de um isopor enorme. O que fazer com tudo aquilo? Quem teria sido o autor de tão genial(?) ideia. Só pode ter sido coisa do pai do deputado, o camaleônico Domingão.

2. PERGUNTAR pode? Beliscar também? Qual explicação no Ceará, há um mês, o número de óbitos representar pouco mais de 10% em relação ao Brasil? Na região, é o primeiro. A pandemia é o maior calo de Camilo. Capital sob controle, tudo bem. Interior, contudo, instalou-se o caos. Se não for muita pretensão da minha parte, o que tem a dizer o dr. Cabeto? Fala, doutor!

3. SABEM quando o deputado André Fernandes será cassado? Nunca. E suspenso? Muita fumaça para pouco fogo. Ideia da votação em sigilo, via virtual, uma pândega. Deputado não cassa deputado. Exceção do Sérgio Benevides. Aliás, que graça terá a AL e aquele colegiado amarrado sem a presença do espoletado André? Será uma filial do Parque da Paz...

PINGA-FOGO

QUEDA de braço imperdível. Quem terá mais voto em Horizonte: Chico César ou Nezinho Farias? De um lado, o atual prefeito. Do outro, sua ex-cria. Já foram irmãos-siameses. Hoje, ferrenhos inimigos. O pau vai cantar na casa de Noca. Oba!

FARRA dos bondinhos em Ubajara e Juazeiro. Papocou com a pandemia. Perdi a chance de visitar a Serra Grande. E de tomar a benção ao meu Padim, sem subir naquelas escadarias.

GESTOR pavão tem em todo canto. Aqui, então, é um ninho. Um deles meteu-se a fazer balanço diário de casos e óbitos da Covid-19. Um programão, digamos assim, fúnebre. Xô, pavão!

E a Prefeitura, hein? Conseguiu livrar-se daquele monstrengo Mercado dos Peixes, uma imundície só. Ganhou alguns trocados, além de livrar-se do entulho. Aquilo, até de graça já seria um grande negócio...

SE mal pergunto, as águas do São Francisco, por acaso, chegarão ao Acquário, a obra megalomaníaca de Cid Gomes? Quem sabe um dia, trazendo um cardume de gigantescos peixes coloridos.

PAU DA BARRACA

LUIZIANNE, candidata do PT à sucessão de RC, traz a tiracolo seu guru Geraldo Aciolly. Aquele que adora chutar o pau da barraca. Já chegou, chutando a primeira. Quantas mais pela frente será pinto. Neste gênero, Aciolly é ótimo. Tremei, capitão!

QUEM DARÁ UM FREIO?

PANDEMIA na capital sob controle, ok. Segurança, antes, a menina dos olhos do governador, perdeu o rumo. Número de crimes é alarmante. Em meio ano, deixou 2019 para trás. Facções criminosas fazem a farra. Camilo, pelo amor de Deus, descruza os braços, homem!

DONA DO PEDAÇO

NÃO fora as divergências políticas, brasa para nossa sardinha. Que baita ministra da Educação seria Isolda Cela, a mãe da Escola Pública no Brasil. A ponto de deixar o Ceará no pódio maior do país. Infelizmente, sua cartilha não é a mesma do capitão-confusão.

HOTEL DOS FERREIRAS

PERGUNTAR pode? Existe alguém na PMF responsável pelo acolhimento dos moradores de ruas? Se tem, precisa conhecer a Praça do Ferreira. Lá os moradores de ruas deitam e rolam, sem serem incomodados ou acolhidos. Até fazem aquelas coisas feias à luz do dia pra quem quiser ver. Se mal (ainda) pergunto: E o MP fechou os olhos?

PARAFUSETA

CEARÁ é recordista em apresentar planos mirabolantes para salvar a pátria tupiniquim. Último deles? Metas Tributárias de Apoio à Economia Cearense. Lindo, lindo. Quem entendeu a metade da metade das 23 medidas salvadoras é candidato ao Prêmio Nobel da Economia. Viva!

MALA & CUIA

.DIA do Asteroide. Não disse? Tem dia pra tudo. Neste aí estou dentro de mala e cuia. Mesmo sem entender patavina. E vem aí o Dia do Besteirol. Não demora.

.E AÍ, cara-pálida? A favor ou contra as privatizações? Privatiza tudo. Até o Banco do Brasil? Vai no rolo...

.ACADEMIAS e seus marombeiros, hein! Cortando prego. Fazer exercício através de lives é o mesmo que rir das piadas sem graça do chato Adnet...

.NESTA fase de isolamento, o que tem de gente dando opinião de como enfrentá-lo, naquela de autoestima, é um porre! O discurso é o mesmo. Os coachs, que também são chatos, perdem de goleada.

.QUANDO inimigos, de repente, começam a elogiar os ex-colegas é primeiro sinal para a Receita arregalar bem os olhos. Aí tem coisa!

 

Se as paredes do BS Design falassem...

Mesmo com as atenções totalmente voltadas aos seus negócios na BSPAR, o empresário e ex-presidente da FIEC, Beto Studart, continua sendo uma das vozes mais ouvidas no Ceará quando o assunto é conjuntura ou política. Durante a pandemia, com relação à conjuntura, foi quase uma live por semana, sem contar os convites que não pode participar. Já sobre política, a sede da BSPAR tem sido um espaço aberto para os candidatos que se convidam para falar com Beto sobre o pleito municipal. Ali, ele os recebe cordialmente. Até agora não declarou voto. Nem vai. Ah, se as paredes do 13º andar do BS Design falassem...

 

 

Essa notícia foi relevante pra você?
Logo O POVO Mais