Alan Neto
clique para exibir bio do colunista

Colunista do O POVO, Alan Neto é o mais polêmico jornalista esportivo do Ceará. É comandante-mor do Trem Bala, na rádio O POVO/CBN e na TV Ceará. Aos domingos, sua coluna traz os bastidores da política e variedades.

Alan Neto
esportes
Opinião

Batismo de fogo! É o Ceará na estreia da Copa Sul-Americana 2021

Técnico Guto Ferreira vai liderar o Ceará na Sul-Americana
Técnico Guto Ferreira vai liderar o Ceará na Sul-Americana

.CEARÁ estreia hoje em competição internacional, mesmo que seja a Sul-Americana, espécie de batismo de fogo do alvinegro cearense. Terá pela frente um adversário passado na casca do alho, o Wilstermann, da Bolivia. Se não for recordista, é quase. Esteve na Libertadores, mas não esquentou o banco.

.SUL-AMERICANA vale muito mais pelo rótulo internacional, pela boa cota que a Conmembol distribui aos clubes. Tal qual a CBF, ela tem muita bala na agulha, pelos contratos que celebra com as redes de televisões e os patrocinadores. Não esbanja mais pois não é tola, mas o pirulito na boca de cada um acaba satisfazendo.

.SOME-SE a isso o fato dela participar, exemplo do Ceará, pela primeira vez em jogos fora do próprio País. Bola rolando em campo, o departamento é outro e o buraco é mais em cima.

RETRATO (IN)FIEL

.NADA, porém, que venha assustar o Ceará, que ganhou a prenda de estrear em casa. Wilstermann, bem verdade, tem mais experiência na competição, nada que assuste se não tiver futebol superior ao Alvinegro, bem afiado e afinado em suas linhas.

.FUTEBOL boliviano, no ranking da América da Sul, está bem aquém de Argentina, Uruguai e Paraguai, disputando com Venezuela, Peru, Colômbia.

.RÁPIDO exemplo, o Wilstermann, no atual campeonato da Bolívia. Nos últimos quatro jogos, perdeu três e venceu um. Em casa, por conta a altitude, torna-se difícil de ser batido. Fora de lá, não é lá esses balaios.

.TUDO isso pode pesar na partida de hoje? Uma coisa nada tem a ver com a outra. Por jogar fora de casa, tomará suas precauções, a começar por um sistema de jogo mais precavido, mais amarrado, pra ganhar tempo.

. GUTO não mexerá no Ceará que ele formatou, pouco importa ser a Sul-Americana. Como nunca foi de afoitezas, aplicará o modelo de sempre. Não entra no meu facho técnico que aplica esta cartilha. O futebol brasileiro está cheio e farto deles.

PONTOS & CONTRAPONTOS

.NA fase de grupos, com quatro em cada, jogos ida e volta, quem pontuar mais continua pra fase seguinte. De cada grupo sobrarão três. O campeão da Sul-Americana ganhará vaga na Libertadores e uma grande bolada em dólares.

.PARA melhor simplificar, a Sul-America, com toda esta pompa, não passa da nossa Série B, também conhecida como Segundona, com subidas e descidas.

.ATENTEM para este detalhe. Conmembol paga, por cada jogo, ao mandante, 300 mil dólares. Contudo, quando sair pra jogar fora, caso do Ceará, como exemplo, as despesas serão dele, a partir do voo fretado. Tradução exata. A Conmembol dá, mas também toma. Ao mandante, cabe saber apertar o cinto.

.GRUPO do Ceará não é de assustar, mas também não é galinha morta. Pegará dois bolivianos (Wilstermann e Bolívar) e o Arsenal, de Sarandi, não cotado entre os grandes da Argentina, tais Boca, River, Racing e Independiente.

. CEARÁ, da mesma forma como abre hoje seu batismo de fogo contra o Wilstermann, fechará com ele, na última rodada. Até lá haverá uma definição.

.DETALHE. Para poder entrar na Bolívia, onde atuará duas vezes, os jogadores do Ceará, obrigatoriamente, se vacinaram contra a febre amarela.

.PARA dar mordomia e comodidade aos seus atletas, o Ceará fretou voos através da TAM, total em torno de 150 mil dólares. Poupa os voos comerciais e seu chatíssimo senta-levanta. Economizaria muito mais, mas este não é o maior problema, pelo menos nesta primeira vez.

.NÃO haverá TV aberta. A Sul-Americana passa sim, pelo pay-per-view, através de cota estabelecida. Preferível o rádio, especialmente se o narrador é Renilson Souza, o melhor do rádio cearense, da nossa rádio O POVO CBN, nas duas frequências. Ele virá comboiado por todo o Timão do POVO, com o inigualável Sérgio Ponte como âncora, além de Gerson Barbosa, o GB, revelado pelo Trem Bala e Thiago Minhoca, que se firmou como analista, sem aquele falatório sem fim, que Sérgio faz tempo aboliu.

.NA base do "se passar", quer dizer, Ceará alçando a próxima etapa, as oitavas, serão mais 500 mil dólares por jogo. Todos querem esta bolada, razão pela qual a Sul-Americana se torna mais apetitosa. A Conmembol nada em dólares e nunca ninguém se atreveu a ir fundo pra saber suas verdadeiras origens.

. RAZÃO cabe ao grande Tostão, cujo livro estou relendo - "O futebol precisa ser investigado. Seus bastidores e personagens não são nada confiáveis e os clubes acabam sendo as grandes vítimas. Os cartolas, por rezarem pela mesma cartilha, são cúmplices da mesma forma". O livro do Tostão, presente do Evaldo Lima, é uma das minhas joias raras.

.RESUMO da ópera. Que o Ceará se saia bem na sua estreia, diante de um adversário recordista em Sul-Americana, mas que nunca venceu uma. E o que uma coisa tem a ver com a outra, cara-pálida? Nada vezes nada...

 

Essa notícia foi relevante pra você?
Logo O POVO Mais