Alan Neto
clique para exibir bio do colunista

Colunista do O POVO, Alan Neto é o mais polêmico jornalista esportivo do Ceará. É comandante-mor do Trem Bala, na rádio O POVO/CBN e na TV Ceará. Aos domingos, sua coluna traz os bastidores da política e variedades.

Alan Neto
esportes
Opinião

Ceará x Fortaleza: o reencontro

Como chegaram a esta condição de os dois maiores rivais, todos conhecem a história. Ao longo dos anos esta rivalidade enraizou-se.
FORTALEZA,CE, BRASIL, 20.03.2021: Jogo pela copa do Nordeste, Ceará vs Fortaleza. Arena Castelão.  (Fotos: Fabio Lima/O POVO)
FORTALEZA,CE, BRASIL, 20.03.2021: Jogo pela copa do Nordeste, Ceará vs Fortaleza. Arena Castelão. (Fotos: Fabio Lima/O POVO)

.PERDIDAS as contas de quantas vezes Ceará e Fortaleza, nosso clássico maior, se enfrentaram ao longo da histórias. Nem mesmo Miguel Júnior, guardião da minha memória, sabe precisar os números através dos seus alfarrábios. Como chegaram a esta condição de os dois maiores rivais, todos conhecem a história. Ao longo dos anos esta rivalidade enraizou-se.

.SEM rivalidade o futebol existiria sim, mas sem qualquer graça. Ela é imprescindível para a sua sobrevivência. Se me ativesse a escrever sobre os maiores clássicos que meus olhos já viram, me perderia nos desvãos desta minha memória trêfega.

.HOJE é dia de mais um, 16 horas no Castelão, por um campeonato que de tão desmotivado, tão sem graça, que até o torcedor deixou de valorizá-lo. Pelo simples motivo de que há outras opções mais interessantes: Copa do Brasil, Copa do Nordeste e, por fim, o Brasileirão, nosso prato mais recheado.

.CEARÁ foi premiado com sua participação na Sul-Americana, naco que o Fortaleza perdeu, embora tenha participado ano passado, por ter feito um Brasileirão medíocre, por pouco não sendo despejado, de volta à Série B. Desta hecatombe, livrou-se.

PÚBLICO CASTIGADO

.PASMEM para este detalhe. Por conta das providências adotadas evitando aglomerações desde que o vírus alastrou-se no mundo inteiro, caminhando para seu segundo ano, ocorreram sete clássicos sem a presença de público. Ou seja - o torcedor ficou privado do seu melhor prato. Estádio de futebol sem a presença de público transforma-se num gigantesco cemitério.

.O DE hoje, será o oitavo sem ninguém nas arquibancadas. O equilíbrio entre os dois rivais persiste ao longo deste tempo. Foram três vitórias para o Ceará e três vitórias para o Fortaleza e um empate, insípido como todos os empates. Com a caneta na mão, já disse uma vez, acabaria com jogo empatado. Voltaria a instituir o chamado "gol de ouro", aquele mesmo popularmente conhecido como - quem fizer o primeiro gol ganha.

.ATÉ tentaram implantar uma vez o "Gol de ouro" demorando pouco tempo. Chegou-se a conclusão de que poderia levar os jogadores a exaustão e até mesmo a óbito pelo esforço dispendido. Vá la que seja.

.CLÁSSICO de hoje pouco ou quase nada representa em termos de Estadual. Os dois já estão classificados para a próxima etapa. Quem me perguntar quem nela estarão, passo batido. Enfim, vale pela tradição e pela história do clássico.

AVALIAÇÕES

.PARA o técnico argentino, Juan Pablo, que chegou para dar ao Fortaleza uma nova feição e outra cara, é seu primeiro grande teste para avaliar melhor o elenco. Goleada contra o Crato, foi muito mais um match-treino, embora pudesse tirar algumas conclusões. O histórico dele como técnico no futebol argentino, e depois no chileno, ainda é de engatinhar.

.AO Fortaleza interessava dar uma sacudida no elenco, razão pela qual optou em buscar um técnico de fora, recaindo sobre um argentino cujo futebol tem fama de aguerrido e intenso. É isso que o presidente Marcelo Paz quer para a sua equipe. Mas quem garante que o Vojvoda seja o homem indicado? Pelo menos é uma cara nova com outra filosofia de jogo.

.CEARÁ ameaça entrar com um mistão, entremeando titulares e reservas. Sua preocupação, anunciam as fontes, é muito mais com a Sul-Americana. Pode ser jogo de cena, naquela de querer enganar o adversário. Bobagem e bazófia. Sem esquecer que o próximo jogo do Alvinegro será daqui há cinco dias, portanto tempo de sobra de hoje para a partida contra o Bolívar.

.O QUE Guto Ferreira precisa fazer, e deve, é dar uma mexida geral no seu time que não vem bem das pernas, como ficou demonstrado na partida contra o Arsenal de Sarandi. Suas linhas estão desentrosas, a queda de produção de Vina, jogador que faz toda diferença salta aos olhos de todos.

.O QUE o técnico alvinegro precisa mesmo é alterar sua forma de jogar, cartilha que ficou batida, apelidada de samba de uma nota só, o manjadinho que qualquer adversário já conhece. Até o entrosamento sofre sequelas e a carência de um goleador torna o Ceará com menos um em campo.

.GUTO por acaso nunca ouviu falar em 4-3-3 ou 4-2-4 que tornariam seu time mais intenso e mais ofensivo? Todo técnico, com raras exceções, consideram-se os donos da verdades. Ou seja - tem que prevalecer o que manda e estamos conservados. São uns de déspotas.

RASTILHOS

.COMO quem sabe, não desaprende, o veterano zagueiro Titi chegou para o Fortaleza, com ares de xerifão, que o time carece, destronando o colombiano Quintero... /// PARA completar a Comissão Técnica de Vojvoda chegou o fisicultor. Como castelhano todos falam e entendem, menos no Brasil, está tudo em casa... /// NA base do par ou ímpar o Ceará acabará um dia achando o homem certo pra assumir a camisa 9. O menos ruim, Jael, pegou a péssima mania de se contundir por qualquer ventinho mais forte...

 

Essa notícia foi relevante pra você?
Logo O POVO Mais