clique para exibir bio do colunista

Colunista de política, o jornalista Carlos Mazza coordena o O POVO Dados, núcleo que trabalha com reportagens a partir de bancos de dados. Já foi repórter de Política e repórter especial do O POVO.

CarlosMazza • NOTÍCIA

Forças Armadas não vêm para desalojar motins nem invadir quartel, diz senador

Major Olímpio desmentiu boatos de que as tropas seriam usadas para desalojar policiais amotinados em quartéis cearenses, como o 18º BPM Por

O senador Major Olímpio (PSL-RJ) afirma que reforço das Forças Armadas que chegou hoje em Fortaleza descarta ações de desalojamento de policiais amotinados no Ceará. O senador paulistano participou, na tarde desta sexta-feira, 21, de reunião com parlamentares do Nordeste e o comandante da operação de Garantia da Lei e da Ordem no Estado, general Cunha Mattos.

“A operação não está aqui para desalojar, invadir quartéis, nada disso. Vão só atuar pelo policiamento ostensivo e para a preservação da ordem pública, suprindo as funções que caberiam à Polícia Militar em situação normal”, disse o senador ao O POVO. “Informação de cerco a quartéis não procede, não há qualquer intervenção assim dentro do planejamento deles”, diz.

“Eles vão cumprir a missão constitucional deles, que é pela lei e a ordem. Essas questões administrativas, disciplinares, seguem com a Polícia Militar e a SSPDS (Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Ceará)”, reforça o senador, destacando que o foco da operação é o policiamento, “a pé e motorizado”, da Região Metropolitana de Fortaleza.

“O foco é a região Metropolitana de Fortaleza, mas há previsão de reforço em todo o Estado, se houver necessidade, dentro do planejamento”, afirma. Além de Major Olímpio, estavam na reunião os senadores Elmano Férrer Elmano Férrer (Podemos-PI), Eduardo Girão (Podemos-CE) e Tasso Jereissati (PSDB-CE), além do deputado Capitão Wagner (Pros).

Clique na imagem para abrir a galeria
Essa notícia foi relevante pra você?
Logo O POVO Mais