clique para exibir bio do colunista

É editor do conteúdo social produzido e publicado pelo O POVO. Sua coluna trata de economia, política, cultura e sociedade a partir de personagens em evidência no cotidiano do Estado e do País.

clovis-holanda • NOTÍCIA

Uma versão atual do nostálgico drive in

Por
Claudio Romano, CEO da Dream Factory, escolheu Rio de Janeiro, Belo Horizonte, São Paulo, Recife, Fortaleza, Curitiba, Porto Alegre e Brasília para abrir salas do Dream Park, drive in multiuso cheio de tecnologia.
Claudio Romano, CEO da Dream Factory, escolheu Rio de Janeiro, Belo Horizonte, São Paulo, Recife, Fortaleza, Curitiba, Porto Alegre e Brasília para abrir salas do Dream Park, drive in multiuso cheio de tecnologia.

Era agosto de 1978 quando foi inaugurado, na avenida Pontes Vieira, o Cine Drive, o último espaço neste formato a funcionar na Cidade. Quem lembra da atração poderá, em meados de julho, a depender das permissões do Governo do Estado e da Prefeitura, reviver a experiência em sua versão contemporânea.

Claudio Romano, CEO da Dream Factory, escolheu Rio de Janeiro, Belo Horizonte, São Paulo, Recife, Fortaleza, Curitiba, Porto Alegre e Brasília para abrir salas do Dream Park, drive in multiuso cheio de tecnologia.
Foto: divulgação
Claudio Romano, CEO da Dream Factory, escolheu Rio de Janeiro, Belo Horizonte, São Paulo, Recife, Fortaleza, Curitiba, Porto Alegre e Brasília para abrir salas do Dream Park, drive in multiuso cheio de tecnologia.

Empresário Claudio Romano, CEO da Dream Factory, empresa responsável por eventos como Rock In Rio, Maratona do Rio e Montreux Jazz Festival, é quem vai montar o equipamento na Capital.

Fortaleza está dentre as cidades escolhidas para receber uma das "salas", com pelos menos 10 mil m². O cinema será instalado em estacionamentos de shopping centers do País e uma rede local já está em negociação avançada para receber a atração.

Clique na imagem para abrir a galeria

Os ingressos serão cobrados por carro, independente do número de passageiros. Tudo funcionará via aplicativo. Desde o acesso até os pedidos de comida e bebida, que serão levados aos carros por profissionais usando equipamentos de proteção.

Praças de alimentação devem ser os fornecedores prioritários de alimentos, mas há a abertura do projeto a novos parceiros, com exceção da pipoca, que deve ficar a cargo de pipoqueiros autônomos desempregados com a pandemia.

Pelo bilhete de entrada, os carros, que estarão separados por 1,5m uns dos outros, conectarão os rádios individuais na frequência da transmissão, mantendo todos no conforto do ar-condicionado. Além de filmes da grade comercial, o Dream Factory vai realizar shows musicais, palestras e outros eventos.

Difícil vai ser controlar usuários dentro dos carros perante uma música dançante. No Cine Drive In de Brasília, um dos mais antigos em funcionamento no País, teve gente que subiu no capô do carro depois de uns drinks a mais. Este detalhe também está sendo pensado na operação.

Para tudo ficar ainda mais agradável, falta só o combustível baixar de preço, garantindo as horas de exibição com tranquilidade. Depois conto mais.

Teatro do Nordeste em novo livro

Professor dr. Magela Lima lança livro sobre o teatro nordestino
Foto: Matheus Abrahão/ DIVULGAÇÃO
Professor dr. Magela Lima lança livro sobre o teatro nordestino

Jornalista e professor doutor Magela Lima, também ex-secretário da Cultura de Fortaleza, acaba de lançar"Os Nordeste e o Teatro Brasileiro". Na obra, autor verifica as concepções de criação e as estratégias de visibilidade que demarcaram o Nordeste como lugar no teatro brasileiro. A pesquisa, que resultou no trabalho, procura compreender que mecanismos interferem na projeção nacional de uma obra ou de um artista de teatro no Brasil.
Assim, a história de afirmação do chamado “teatro do Nordeste” é resgatada a partir do encontro de diferentes gerações de artistas e cenas.O livro é editado pela Paco Editorial e encontra-se disponível para venda tanto no formato físico como e-book, no site da própria editora e nas principais livrarias. A apresentação é assinada pela dramaturga Cleise Mendes, professora que orientou Magela Lima durante o doutorado na Escola de Teatro da Universidade Federal da Bahia. Prefácio é do ator e diretor Luiz Carlos Vasconcelos, do Piollin Grupo de Teatro, da Paraíba.

Levezas e afins

Branca Mourão: nova fase nas redes sociais
Foto: JOÃO FILHO TAVARES
Branca Mourão: nova fase nas redes sociais


Decoradora Branca Mourão, que já compartilhava em seu perfil no instagram dicas de ambientação e estilo para bem receber, amplia repertório e, desde ontem, iniciou série de lives com nomes da Cidade. Primeiro convidado foi o médico nutrólogo Fred Carioca, que explicou sobre o papel da alimentação na imunidade.

Aniversariante do dia 25, pedagoga Fátima Vasques, na foto com o professor Antonio Vasques, receberá carinho da família e dos filhos Leandro, Roberta, Eugênio, noras, genro e dos 5 netinhos via conferência virtual. Doses de afeto e homenagens estão sendo preparadas. Saúde!

 

Essa notícia foi relevante pra você?
Logo O POVO Mais