clique para exibir bio do colunista

Colunista e editor-chefe dos núcleos de Economia e Negócios do O POVO. Também é âncora da rádio O POVO-CBN e apresenta flashes na rádio CBN Cariri e em breve na rádio CBN Teresina. É o editor-geral do Anuário do Ceará e do Guia de Investimentos de São Paulo

JocelioLeal • Opinião

O que o censo escolar diz do Ceará

Por

Em 2015 o Ceará possuía 88,1% dos professores do Ensino Médio com Ensino Superior completo. Estava atrás do nível brasileiro (93,7%) e do Nordeste (90,3%). Em 2019, o Censo Escolar divulgado pelo Inep registrou um marco: o Ceará ultrapassou o Brasil e o Nordeste. Hoje o estado possui 97,9% dos professores do Ensino Médio com Ensino Superior completo, enquanto o Brasil e o Nordeste possuem, respectivamente, 97,7% e 95,9%. Quem farejou o dado foi um estudo da série "Primeiras Análises", assinada pelo Laboratório de Análise de Dados e Economia da Educação (educLAB), da Universidade Federal do Ceará (UFC).

Situação semelhante ao verificado no ensino médio aconteceu na Educação Infantil e no Ensino Fundamental, aponta o professor Rafael Barbosa, coordenador do educLAB. Nestes dois, o Ceará estava atrás apenas do Brasil e à frente do Nordeste. "Melhorar a qualidade dos professores é uma excelente estratégia para aumentar a qualidade da educação. Uma medida para a qualidade dos professores de uma rede é a quantidade de professores que possuem Ensino Superior", diz Rafael.

Alem da proporção de professores com ensino superior no Ceará, o educLAB deteve-se em outros dois aspectos: queda do número geral de matrículas e redução da distorção idade-série. Em todo o Brasil, de 2015 a 2019, o número de matrículas da educação pública caiu 4,1%. Em número absoluto, 1.643.485 estudantes. Muito, mas esperado. Estão nascendo menos brasileiros. De todo modo, a Educação Infantil registrou um aumento de 12,6%. Hipóteses aventadas pelo estudo são a maior oferta de vagas e o crescimento da participação das mulheres no mercado de trabalho. O Ceará segue a tendência do Brasil reduzindo o número de matrículas na Educação Pública, porém, em com metade da magnitude brasileira. Entre 2015 e 2019, a queda foi de 1,9%.

Já as maiores quedas foram registradas no Ensino Médio (9,35%), seguido pelo Ensino Fundamental Anos Iniciais (6,5%) e Ensino Fundamental Anos Finais (6,0%). "A maior redução ter sido registrada na etapa do Ensino Médio deve-se, no entanto, a outros fatores relacionados com o abandono escolar, como oportunidades no mercado de trabalho e baixa aprendizagem durante o Ensino Fundamental", pondera Rafael.

No Ceará, ao contrário da evolução do número de matrículas no Brasil, a maior redução foi registrada no Ensino Fundamental Anos Iniciais (8,2%) e Anos Finais (7,7%). O Ensino Médio apresentou redução de 1,7% entre 2015 e 2019. A Educação Infantil no Ceará apresentou um crescimento maior do que o Brasil de aproximadamente 15% entre 2015 e 2019.

O Censo Escolar é realizado anualmente pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Levanta informações sobre matrículas, professores e infraestrutura de todas as escolas do Brasil, sejam elas públicas ou privadas. Além se servir como fonte de pesquisa e monitoramento, é parâmetro para definir o quanto estados e municípios irão receber dos recursos do Fundeb. O número de matrículas na rede de ensino é o principal fator para repartir os recursos do Fundo.

TANQUERAY

Diageo cresce a base de gim

A Diageo, dona de marcas como Ypióca, Johnnie Walker, Smirnoff e Tanqueray, declara crescimento de 7% em vendas líquidas (?!) no Brasil, no primeiro semestre do ano fiscal 2020. Uma das razões atribuídas ao resultado é forte expansão do consumo do gim Tanqueray. O presidente da Diageo para Brasil, Uruguai e Paraguai, Gregorio Gutiérrez, diz que o Tanqueray foi impulsionado no Brasil por ativações de marcas em eventos que vão de festas particulares até grandes festivais e em ocasiões de consumo no início da noite. A propósito, no Ceará, a Diageo fabrica Ypióca e Smirnoff, além de envasar o uísque Black & White. A britânica melhorou o relacionamento com o mercado local. Tem agência de publicidade (Slogan) e de comunicação (Engaja) do Ceará.

Horizontais

Caminhão do gás - A Scania começou a produzir caminhões movidos a gás, GNV (Gás Natural Veicular) e GNL (Gás Natural Liquefeito), em sua fábrica em São Bernardo do Campo (SP).

Obituário - O velório do jornalista Chico Alves Maia, ex-diretor do jornal Tribuna do Ceará, acontece desde ontem à noite na Funerária Ternura. Às 10 horas haverá a missa de corpo presente. O sepultamento será no Parque da Paz.

 

Essa notícia foi relevante pra você?
Logo O POVO Mais