Leda Maria
clique para exibir bio do colunista

A jornalista, poeta e escritora Leda Maria escreve sobre política, cultura e sociedade. É autora do Livro Memória Gastronômica das Famílias Cearenses e participante de várias antologias literária, como A Literatura das Mulheres da Floresta e Assim Escrevem as Brasileiras.

sociedade
NOTÍCIA

Cristiane Leitão revela seus caminhos de felicidade

Cristiane Leitão
Cristiane Leitão

Família é a estrutura pilar de tudo. Além de aprofundar e aperfeiçoar sempre, esta estrutura, trabalho intensamente em reestruturar a família em muitos projetos voltados para a população necessitada, pois sem isso, até a prática educacional fica comprometida em sua assimilação e harmonia.

A declaração vem de uma especialista, há anos desenvolvendo grupos, projetos e atendimentos para alcançar resultados favoráveis ao bem-estar de famílias necessitadas. Ela é Cristiane, a amada de Evandro Leitão, deputado e atual presidente da Assembleia Legislativa do Ceará.

- Casar é um fruto de felicidade?

Cristiane Leitão: Sim, daí necessidade de cuidar minuciosamente desse fruto. Temos 25 anos de casados, construídos entre os 34 anos de convivência. Começamos a namorar quando eu tinha 14 anos, ele 19. Ele foi meu primeiro namorado, e estamos muito felizes. Temos três filhos: Caio César, 25 anos, formado em Administração de Empresas; Ana Cecília, 22 anos faz Medicina e Eduardo, 16 cursando o Anatares. Mais dois netos Caio e Lucca.

- Uma qualidade e um defeito do marido Evandro.

Cristiane Leitão: A generosidade, é uma pessoa que em todas as horas prova que veio ao mundo para servir. Defeito? Tenho dificuldade de citar, tal sua construção de sentimentos nobres. Mas, é a intolerância, principalmente, com aquilo que não é certo.

- E você?

Cristiane Leitão: Farto sorriso acompanhou. Ah! Sou alegre, gosto de desafios, e sigo sempre três leis bem simples de execução: a harmonia, a transparência e o respeito.

- Tem medo de quê?

Cristiane Leitão: Meu maior medo é da hipocrisia. Depois vem de rato e barata.

- Como o casal exerce a vida religiosa?

Cristiane Leitão: Com muita intensidade. Somos devotos de Nossa Senhora de Fátima. Eu rezo o Terço Mariano todos os dias, e Evandro acompanha. Já fomos do Grupo de Casais, da Equipe de Nossa Senhora. Tivemos a orientação espiritual de dom Edmilson Cruz. Em nossa casa a presença de Deus é marcante, recebendo nossas ações cristãs e nossas preces. Uma das nossas maiores emoções, foi nossa visita ao Santuário de Nossa Senhora Aparecida, que escolhemos para comemorar nossas Bodas de Prata, dia 3 de agosto, em plena Pandemia.

- O que é a Pandemia?

Cristiane Leitão: Vejo como um encontro com a Luz Divina. Ela tem um propósito, talvez de convocar a humanidade para dedicar um olhar ao coletivo, olhar o próximo, assimilar uma visão de paz e descobrir um novo caminhar. É impossível ao homem não sofrer transformações com ela. A Páscoa inclusive, chegou nos convidando à renovação, à transformação pelo amor e à luta permanente por um mundo justo e bem melhor.

- A humanidade está captando esta mensagem?

Cristiane Leitão: Não dá para prever, contudo, nota-se que parte do mundo discute o assunto, se posiciona e está interessada na transformação. É importante lembrar que estamos em grande conexão, nada acontece individualmente. O bem que praticamos tem amplidão, foco e resultados. O amor ao próximo precisa estar conectado comigo, com você, com todos. Tudo vai passar, acredito, mas demorará um pouco até atingirmos a conscientização para um novo caminhar de amor, caridade, solidariedade.

- E suas atividades profissionais?

Cristiane Leitão: Minha formação é fonoaudióloga. Fiz pós-graduação em Audiologia, na USP, e mestrado em Gestão e Saúde. Fiz especialização na UFC no Núcleo de Estimulação Precoce. Agora, desenvolvo um projeto para comunidades carentes, sobre Abordagens Sistêmicas, de olho na estruturação emocional das famílias. Voltando ao meu compromisso com o autismo vale ressaltar que tivemos uma grande alegria: a carta de adesão ao Pacto Global será entregue para a ONU, no dia 26 quando haverá a implantação do Núcleo de Responsabilidade Social, da Assembleia Legislativa do Ceará.

* A entrevista com Cristiane percorreu vários caminhos, tal o entusiasmo com que ele rege a sua vida, e naturalmente vai entusiasmando que a escuta na sinfonia de um trabalho sério, conseqüente e apaixonado. Sua mais recengte batalha é o autismo, daí ter promovido um debate última segunda-feira sobre "Autismo: um mundo azul de descobertas". A ação integra as atividades da Semana Mundo Azul. Além da conscientização sobre a problemática, é um projetgo do parlamento que acolhe filhos de servidores e crianças do entorno da AL com o Tea.

MAIS MAIS 

Os músicos Gilberto Gil e Bené Fonteles participaram juntos de uma conversas sobre o tema "As Naturezas de Ser", mais uma edição do #SempreUmPapoEmCasa, com mediação de Afonso Borges. O encontro foi último dia 5. Nesta live, conversaram sobre a não separação entre natureza interna e externa e suas preocupações, desde a década de 1980, com as questões ambientais. Bené criou o Movimento Artista pela Natureza e Gil a Fundação Onda Azul ambos com ambições de cuidar das águas brasileiras e das suas próprias águas internas criativas, emocionais e espirituais. Foi sensacional!

Médico Roberto Missi divulga entre os amigos a "Campanha eu te amo", invocando a igualdade e a união de todos os homens. Lembra as palavras de Jesus nesse processo de mudanças, em nossas vidas, onde a humanidade precisa ser melhor. Ressalta a mensagem "amai-vos uns aos outros como eu vos amei".

Integrantes do Rotary Club Fortaleza Planalto ainda MUITO tristes com a partida, para a Casa do Pai, do companheiro, arquiteto, Pedro Ricardo Bezerra. A Covid 19 cortou sua trajetória de vida marcada pelo entusiasmo, serenidade e benquerença. Para a amada Elcyna e os dois filhos nossas orações.

Ana Maria Studart
Foto: João Filho Tavares
Ana Maria Studart

Ana Studart vivenciou em família sua nova idade no último dia 4: puro amor

Abril tem troca de idade de Victor Frota Pinto, Lucia Helena Marcelo, Alcides Marinho, Roberta Nogueira. Dia 4 o abraço foi para Sabino Henrique, Renata Jucá e Edna Cavalcante. Ontem para o empresário líder Honório Pinheiro. Hoje à Ângela Cysne, Daniel Gutierrez, Gustavo Serpa, Zilma Melo e Mozart Machado

 

Essa notícia foi relevante pra você?
Logo O POVO Mais