clique para exibir bio do colunista

Lúcio Brasileiro é memória viva da sociedade fortalezense. Mantém coluna diária no O POVO e programa na Rádio O POVO CBN. É apontado como o jornalista diário mais antigo do mundo.

LucioBrasileiro • NOTÍCIA

Lúcio Brasileiro

Por

Comemor lusitano dos 400 anos da nomeação de Martim Soares Moreno como primeiro Capitão-Mor do Ceará, por dom Felipe II, iniciado ontem.

Com palestra na Sociedade Geográfica de Lisboa, tematizada na Fundação da Nossa Terra e a Jornada do Maranhão.

Hoje, sexta, 8, na Câmara Municipal de Santiago do Cacém, descerramento da placa alusiva, quando Lúcio Alcântara e general Júlio Limaverde entregarão mimos do Instituto Ceará e da Décima Região.

Amanhã, sábado, 9, visita ao Palácio da Carreira e giro pelo Centro Histórico.

Domingo, 10, final de programa estabelece passagem pelas lagoas de Santo André e da Sancha, Reservas Naturais.

Governador Camilo Santana está representado pela vice Izolda Cela e prefeito Roberto Cláudio, por Patrícia Macêdo.

A PEQUENA GRANDE

Ontem, pessoal da ACI baixou no Papicu, mercê tomar café com noventenária Adísia Sá, à testa presidente interino William Moura.

Certo, porém, é que todos nós jornalistas sentimos o cheiro quente.

AO LADO

Imortal Tales Sá Cavalcante indo pra São Paulo, mister acompanhar mulher psicanalista.

Dra Jaqueline faz curso de acompanhamento da criança desde concepção.

COMO SEM FALTA

Lauro Vinhas confirmou presença no Colóquio da Engenharia, hoje, no Gran Marquise.

Ocupante da cadeira número um da Academia, só não compareceu ao realizado fora do município.

BICOS DE PENA

No Varandas, Paulo Sérgio, comandando pizza pro chef francês Franck Henouil .... No Flórida, Airton Vasconcelos, um dos sete irmãos oftalmologistas .... De compromisso amanhã com seu calendário pessoal, amigo de data longa, Stênio Dantas, que foi subsecretário da Fazenda do general Edson Ramalho, figura maior do primeiro Governo Virgílio Távora, tirante o próprio VT.

BON MOT

Decepções fazem parte do cardápio das melhores relações. Nesse cardápio precisamos do tempero do silêncio para preparar o molho da tolerância. (Augusto Cury)

 

Essa notícia foi relevante pra você?
Logo O POVO Mais