Foto de Marcus Lage
clique para exibir bio do colunista

Marcus Lage sociedade

By the way...

Tipo Opinião
Glass Riedel (Foto: divulgação)
Foto: divulgação Glass Riedel

 

Sobre brinde ao lado a João Cateb, me vem o gancho das austríacas taças Riedel, as eleitas pela enologia, assim como os decanters. Não há bom sem defeito. Falo de uma linha, a O Wine Riedel, adotada no Cipriani. Algo bem à la Starck. Eu e a mesa refugamos. Vinho... só pela haste. A rainha o faz por usar luvas. Armagnac e cognac estão outro departamento. Veja na Amy, no Debrett's e onde quer que verse sobre o (axioma) assunto.

Home

Lustre de Alexandre Vossion, com arremates de Cristais de Rocha. Produzidos na França, no ateliê da marca, à mão. As peças valem-se de insumos como ouro, prata paládio, bronze e ametista. Vossion é um dos queridinhos do high design.

Lustre Alexandre Vossion
Lustre Alexandre Vossion (Foto: divulgação )

Versículo bíblico

"Ide por todo o mundo, pregai o evangelho.' (Marcos 16:15)

Um chapeau bem dado para Rebeca Bastos, pelo seu trabalho de evangelização, ação comunitária e aconselhamento para os sedentos pela Palavra do Senhor.

Um dos braços da obra é Thiane Dantas.

Numa folha qualquer

O Malabarista é fruto dos pincéis autodidatas de meu primo Saulo Ellery, jovem arquiteto e aficionado por Fortal. O leitmotiv das molduras: celebrar as emoções contidas na simplicidade do dia a dia, lances em que a pressa e o rush impedem a percepção.

O Malabarista, um óleo e papel de Saulo Ellery
O Malabarista, um óleo e papel de Saulo Ellery (Foto: reprodução)

A cereja é sua candidatura a genro de Renata e Henrique, e a neto de Dom Meton Vasconcelos, uma das famílias que escrevo com caps lock, pela constante empatia e prática do benefit. E isso vai além das esfera do Rotary.

Povonovinho

Nasceu Jaime, em homenagem ao falecido avô, esse, de sobrenome Bonjigon Azulai, filho de Delgue e Michel, residentes em Londres.Trata-se do 3º. neto de Carmen Dummar, integrantes da ala sefardita da Mansão Castelo. Os avós maternos são estrangeiros, diplomatas, do Corpo Consular da Mongólia. 'Decididamente gente bem.'

Poucas & boas

Embora lucrativo, sabemos que um réveillon seria total desrespeito à ala consciente da população e, principalmente aos fênix, esses fragilizados jalecos do Sistema da Saúde.

Candidatos se movimentam para o pleito da OAB. Opino pela mudança, mais quem bem-vinda, eu digo necessária.

Quiném

O sucesso prolonga-se em The Immersive Experience, de V.van Gogh (pronunciar Van Ror), onde os visitantes inserem-se nos quadros do mestre, tornando o cenário algo hiper-realista.

Outstanding

Silvio Montezuma cortou um su misura, em Sampa, vez que aqui não temos alfaiates, para o 'I do' da prima Raissa com Victor Pordeus.

Vide

Negue o ócio

O cardiologista André Chaves está cortafitando sua bem equipada clínica.

O bureau de Fredy Albuquerque, drusa da Albuquerque Vianna, se une à banca de Fernando Falcão.

Verbo farnientear

Amiga de Christus, Fabiola Girão, executiva do Credit Suisse, está chegando para as férias. Pense num papo rico.

CLICKS

Halina! Para João Cateb foi o tilintar das taças, na última plenária do Amis et Vins
Halina! Para João Cateb foi o tilintar das taças, na última plenária do Amis et Vins (Foto: arquivo pessoal)

Bel e Bia Arêa Leão, cujo pai, Valdetário Andrade, é meu epíteto de um self -made-man
Bel e Bia Arêa Leão, cujo pai, Valdetário Andrade, é meu epíteto de um self -made-man (Foto: arquivo pessoal)

Nat redondo. Diarley Almeida (50) levou bolo confeitado para BSB, dividindo-o com a Universidade Corporativa Sebrae, mas o 1º pedaço foi para Zabrisky
Nat redondo. Diarley Almeida (50) levou bolo confeitado para BSB, dividindo-o com a Universidade Corporativa Sebrae, mas o 1º pedaço foi para Zabrisky (Foto: arquivo pessoal)

Foi muito bom. Vasco Vasconcelos e Tom Prado recepcionando Otavinho Justa
Foi muito bom. Vasco Vasconcelos e Tom Prado recepcionando Otavinho Justa (Foto: arquivo pessoal)

Essa notícia foi relevante pra você?
Logo O POVO Mais