CIDADES

50% das escolas particulares de ensino infantil aderem a retorno presencial das atividades

Edição Impressa
Tipo Notícia

Somente 50% das escolas particulares de ensino infantil, situadas em Fortaleza e na Região Metropolitana, estão funcionando com atividades presenciais. Conforme levantamento do Sindicato dos Estabelecimentos Particulares de Ensino do Ceará (Sinepe-CE), divulgado nesta quinta-feira, 10, o número representa uma adesão ainda tímida ao modelo, duas semanas após Decreto do Governo do Estado liberar a retomada do setor.

As atividades presenciais na área de ensino estavam paralisadas desde o inicio da pandemia no Ceará- em março deste ano -, e retornaram para o setor particular após determinação estadual, no inicio deste mês. Apenas turmas de creche e pré-escola estão liberadas, com o limite de até 30% da capacidade.

De acordo com levantamentos disponibilizados pelo Sinepe, o balanço apresentado ontem revela que algumas escolas do setor retornaram apenas nesta semana. Isso porque no primeiro dia de liberação, 1° de setembro, somente 30% das unidades aderiram a retomada, chegando agora à metado do total
de escolas.

A explicação para esse retorno "tímido", contudo, pode estar no fato de que as instituições são obrigadas a submeter seus profissionais a exames para a doença, com o objetivo de garantir que o vírus não se dissemine nos espaços. Dessa maneira, a retomada para algumas unidades poderia chegar mais tardiamente. (Gabriela Almeida / Especial para O POVO)

 

Essa notícia foi relevante pra você?
Logo O POVO Mais