Cotidiano

Encontro debate adoção no Ceará

Edição Impressa
Tipo Notícia Por
As ideias para que processos de adoção tenham menos obstáculos serão discutidas no XXII Encontro Nacional dos Grupos de Apoio à Adoção (Enapa), que começa hoje à noite e se estende até sábado na Assembleia Legislativa do Ceará. Serão debatidos soluções para diminuir o tempo que crianças e adolescentes ficam nos abrigos, projetos de acolhimento familiar e o adoção internacional.

[SAIBAMAIS] 

A celeridade nos processos jurídicos e as estruturas para que o Cadastro Nacional de Adoção (CNA) seja efetivo no Interior são algumas das necessidades do Ceará, considera Lucineudo Machado, vice-presidente do Grupo de Apoio à Adoção Acalanto Fortaleza. “Nas cidades sem apoio, ou a adoção não acontece ou é feita de forma ilegal”, relata. Ele cita o caso de Juazeiro do Norte, que deve ter, a partir do dia 30, o primeiro curso para formação para famílias interessadas na adoção. A iniciativa é possível graças à parceria institucional entre entidades de apoio e do sistema judiciário.


O encontro que começa hoje reúne famílias adotivas e candidatas à adoção, profissionais de saúde, da educação, do sistema de Justiça e entidades vinculadas à adoção. O tema central é “Família: direito de todos, sonhos de muitos”. Haverá debates e apresentação de iniciativas de êxito realizadas no Brasil. 

 

Serviço

 

XXII Enapa

Quando: de hoje a sábado, 17

Onde: Assembleia Legislativa

Aberto ao público, com inscrições até a tarde de hoje.

Informações: 98843 4207 www.acalantofortaleza.com.br

Essa notícia foi relevante pra você?
Logo O POVO Mais