Economia

Obras do Aeroporto de Fortaleza estão 92% concluídas

Fraport reafirma prazo para abril, mas existe expectativa de entrega antecipada
Edição Impressa
Tipo Notícia Por
Uma inspeção foi feita na pista no início da noite deste domingo, 5, para que fosse garantida a segurança da operação no aeroporto (Foto: FÁBIO LIMA)
Foto: FÁBIO LIMA Uma inspeção foi feita na pista no início da noite deste domingo, 5, para que fosse garantida a segurança da operação no aeroporto

Pouco mais de 40 dias após a última atualização de andamento das obras de ampliação do Aeroporto de Fortaleza, a Fraport anunciou que 92% dos trabalhos já estão concluídos. Em 19 de agosto, este índice alcançava os 85%. As modificações no aeroporto têm como prazo contratual firmado pela administradora alemã e a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) no contrato de concessão previsto até o fim de abril de 2020.

O ritmo acelerado das obras fez com que o diretor de Operações da Fraport em Fortaleza, Alan Veras, afirmasse em visita ao Espaço O POVO de Cultura & Arte, em agosto, que as principais intervenções estariam concluídas ainda neste ano.

Obras como uma passarela que sai do novo espaço de check-in, inaugurada em junho, está com conclusão próxima. Essa estrutura auxiliará o fluxo dos passageiros, do check-in até a área de embarque. Outra possível entrega para este ano é a de um sistema que permite leitura automática dos cartões de embarque para voos domésticos e internacionais, o Bar Coded Boarding Pass (BCBP).

"Estamos trabalhando fortemente para entregar neste ano ainda. A ideia é que de novembro para dezembro já

esteja com a "cara" do novo aeroporto", disse na ocasião.

Outras intervenções como a instalação de um píer, que abrigará novas pontes de embarque doméstico); duas novas esteiras de bagagem dupla; novos banheiros no desembarque doméstico, incluindo ostomizado. O prazo de entrega para essas intervenções segue a previsão do contrato com a Anac.

>>Veja especial sobre aviação no Ceará

Em ritmo acelerado também está a reforma dos banheiros da parte antiga do aeroporto. O objetivo é adequar a estrutura ao padrão atual, mais amplo e com melhor iluminação.

Na praça de alimentação, a ampliação das opções vem acontecendo. A oferta saiu de 80 e deve chegar a 120. Destaque para a operação de quiosque do McDonalds na praça de alimentação ao aeroporto.

Sem cravar se os trabalhos podem ser entregues de forma adiantada, apesar de estarem com mais de 90% das obras concluídas ainda em setembro, o presidente da Associação das Empresas de Construção Pesada do Ceará (Aconpec), Dinalvo Diniz, ele elogia a evolução da obra, conduzida pela Fraport com investimento de R$ 1 bilhão.

"Pelo que observamos as coisas estão fluindo muito bem. A obra tem andado de forma rápida e os transtornos não tem sido muito grandes e os passageiros não têm sentido tanto", diz.

Padrão de qualidade

Apesar das obras, a quantidade de passageiros atendidos no Aeroporto de Fortaleza cresceu 11,5% entre 2017 e 2018, além da quantidade de turistas internacionais que chegam ao Estado ter dobrado em um semestre. Os índices de satisfação no período só aumentaram.

A última pesquisa do Ministério de Infraestrutura, do 2º trimestre deste ano, mostra que no quesito satisfação geral do passageiro, categoria de 5 a 15 milhões de viajantes por ano, o Pinto Martins está com nota 4,24, ocupando a terceira pior colocação. No Nordeste, perde para o de Recife (PE) e está à frente do de Salvador (BA), com 4,06.

Movimentação em 2019

Para este ano, a Fraport projeta mais 7 milhões de passageiros, mesmo com a saída da Avianca e o cancelamento de voos da Gol em função da suspensão do Boeing 737 Max. A operação de novos voos internacionais pela Latam para destinos na América do Sul, e pela Air Europa para Madri, também devem beneficiar na movimentação.

Fim das obras

A última obra de expansão do Aeroporto de Fortaleza tem prazo até dezembro de 2020. Se trata da ampliação da extensão da pista de pousos e decolagens. A atual já obecede aos critérios necessários para atender aeronaves de grande porte, como as utilizadas pela Air France-KLM nas frequências para a Europa.

Obras do Pinto Martins a serem entregues

PRÓXIMAS ENTREGAS:

PASSARELA interna que auxiliará o fluxo dos passageiros, do check-in até a área de embarque.

PÍER (que abrigará novas pontes de embarque doméstico).

NOVAS (duas) esteiras de bagagem dupla.

NOVOS banheiros no desembarque doméstico, incluindo ostomizado.

IMPLANTAÇÃO DO BCBP (BAR CODED BOARDING PASS) - sistema que permite leitura automática dos cartões de embarque para voos domésticos e internacionais.

E-GATES - controle de passaporte eletrônico no canal internacional de entrada e saída do País.

NOVO LOCAL para o desembarque internacional, no mesmo piso do atual.

NOVO ESTACIONAMENTO de passageiros e novos bolsões de táxi.

ATÉ DEZEMBRO/2020: expansão da pista.

Fonte: Fraport Fortaleza

 

Intervenção

Outras intervenções: instalação de um píer, que abrigará novas pontes de embarque doméstico); duas novas esteiras de bagagem dupla; novos banheiros no desembarque doméstico.

Essa notícia foi relevante pra você?
Logo O POVO Mais