Esportes

Ceará 2 x 2 Bragantino: empate heroico no Castelão

Vovô. Alvinegro do Porangabuçu perdia por 2 a 0 e foi buscar o empate nos acréscimos, com gol de Gabriel Lacerda no último lance do jogo
Edição Impressa
Tipo Notícia Por
CE - CEARÁ SC-RED BULL BRAGANTINO - ESPORTES - G. Lacerda comemora gol do Ceará SC durante partida entre Ceará SC x Red Bull Bragantino , partida válida da 27° rodada do Campeonato Brasileiro, na noite deste domingo (17) na Arena Castelão. 17/10/2021 - Foto: CAIO ROCHA/FRAMEPHOTO/FRAMEPHOTO/ESTADÃO CONTEÚDO (Foto: CAIO ROCHA/AE)
Foto: CAIO ROCHA/AE CE - CEARÁ SC-RED BULL BRAGANTINO - ESPORTES - G. Lacerda comemora gol do Ceará SC durante partida entre Ceará SC x Red Bull Bragantino , partida válida da 27° rodada do Campeonato Brasileiro, na noite deste domingo (17) na Arena Castelão. 17/10/2021 - Foto: CAIO ROCHA/FRAMEPHOTO/FRAMEPHOTO/ESTADÃO CONTEÚDO

Em jogo eletrizante, Ceará e Bragantino empataram em 2 a 2 na noite de ontem, no Castelão, pela 27ª rodada do Brasileirão. Em duelo marcado por falhas individuais e polêmicas de arbitragem, o Vovô saiu atrás no placar, perdia por 2 a 0 e foi buscar a igualdade nos acréscimos, no último lance do confronto, com gol heroico do zagueiro Gabriel Lacerda.

Com o resultado, o Alvinegro ampliou para 11 partidas de invencibilidade como mandante na Série A. O time do Porangabuçu chegou a 31 pontos e manteve a vantagem de três pontos da zona de rebaixamento. Vale lembrar que os cearenses têm dois jogos a menos na competição. Já os paulistas somam 42 pontos e caíram de quarto para quinto lugar, sendo ultrapassado pelo Palmeiras.

O Bragantino abriu o placar com Helinho após se aproveitar de falha infantil do lateral-direito Igor, aos 11 minutos do primeiro tempo. Aos 24 minutos da segunda etapa, os visitantes ampliaram com Alerrandro, que finalizou de fora da área e contou com escorregão do goleiro Richard para estufar as redes. O tento do centroavante rival foi revisado pelo VAR e validado pelo árbitro Wagner do Nascimento mesmo com a imagem mostrando toque no braço do jogador para dominar a bola.

Apesar da desvantagem no placar, a equipe comandada por Tiago Nunes não pareceu se abater em nenhum momento e buscou o jogo ofensivo nos 90 minutos. De tanto pressionar, o Alvinegro diminuiu aos 45 minutos do segundo tempo após finalização de Gabriel Santos, que contou com desvio em Fabrício Bruno para vazar a meta do goleiro Cleiton.

Aos 51 minutos, o zagueiro Gabriel Lacerda, ao melhor estilo centroavante, aproveitou a sobra na entrada da área e finalizou com força no fundo das redes para explodir em festa os 4,5 mil torcedores presentes no Castelão.

A atuação contra o Bragantino foi a melhor do Ceará sob o comando de Tiago Nunes. O time se mostrou organizado e agressivo ofensivamente, criando pelos lados e potencializando triangulações para furar o bloqueio defensivo do rival. É claro que o técnico ainda precisa realizar correções. Entre elas, o retorno de Lima à equipe titular e a ida de Mendoza para o banco de reservas.

Em um campeonato tão nivelado, os cearenses, que estão pressionados pelo Z4, também não podem se dar ao luxo por erros de desatenção. Falhas cometidas como a de Igor e Richard podem custar caríssimo numa eventual briga contra o rebaixamento.

O Ceará volta a campo na próxima quarta-feira, 20, para encarar o Palmeiras, no Castelão, enquanto os paulistas visitam o Internacional em Porto Alegre, na quinta, em jogos atrasados da 19ª rodada.

 

Essa notícia foi relevante pra você?
Logo O POVO Mais