Esportes

Ceará terá sequência decisiva contra Juventude e Bahia pela Série A

Com três pontos de vantagem para o Jaconero (17º) e para o Esquadrão (16º), o Vovô terá de vencê-los em confrontos fora de casa para se afastar da zona de rebaixamento
Edição Impressa
Tipo Notícia Por
Tiago Nunes precisa levar o Ceará a vencer fora de casa (Foto: Aurelio Alves)
Foto: Aurelio Alves Tiago Nunes precisa levar o Ceará a vencer fora de casa

A frustrante derrota por 2 a 1 para o Palmeiras-SP, nessa quarta-feira, 20, na Arena Castelão, pela 19ª rodada do Brasileirão, deixou o Ceará em situação incômoda na tabela de classificação. Apesar de demonstrar evolução dentro de campo com o treinador Tiago Nunes, o Alvinegro vem sofrendo para conquistar vitórias e a zona de rebaixamento se torna, cada vez mais, perigo iminente.

Dos últimos 12 confrontos que realizou na Série A, o Alvinegro venceu apenas um, diante da lanterna da competição, a Chapecoense-SC, por 1 a 0. Nos 11 jogos restantes, foram cinco derrotas e seis empates, o que representa 9 dos 36 pontos disputados — ou seja, 25% de aproveitamento.

A escassez de triunfos estagnou o Ceará na parte de baixo da tabela, em 14º lugar, com 31 pontos, e coloca ainda mais pressão na equipe preto-e-branca para as próximas duas partidas, que prometem ser decisivas. Isto porque o Vovô irá enfrentar o Juventude-RS, neste sábado, 23, e o Bahia, na quarta-feira, 27, que ocupam 17ª e 16ª colocações, respectivamente, ambos com três pontos de diferença para o Alvinegro.

O duelo contra o Jaconero acontece às 17 horas, no estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul (RS), pela 28ª rodada. Apenas a vitória interessa ao Ceará. Em caso de derrota, a equipe alvinegra será ultrapassada pelos gaúchos e pode entrar no Z-4. Para isso acontecer, no entanto, fora o revés do Vovô, Bahia e Santos-SP (15º) teriam de vencer seus confrontos contra América-MG e Chapecoense, respectivamente.

A delegação do Alvinegro, inclusive, já embarcou na tarde desta quinta-feira, 21, com destino à serra gaúcha. Como Caxias do Sul tem clima totalmente diferente do de Fortaleza, a comissão técnica optou por antecipar a viagem para aumentar o período de adaptação. O meio-campista Vina, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, está fora da partida.

O embate diante do Tricolor baiano será outro divisor de águas para o Vovô. O confronto também acontece fora de casa, na Arena Fonte Nova, em Salvador (BA), às 19 horas, em jogo atrasado, válido pela 23ª rodada. Guto Ferreira, velho conhecido da torcida alvinegra, é quem comanda o Esquadrão à beira do campo.

Além da dificuldade natural de enfrentar adversários diretos contra o rebaixamento, o Ceará terá outro fator para superar nestas duas partidas: o desempenho como visitante. O Vovô tem o pior aproveitamento entre todos os times do Brasileirão atuando longe dos seus domínios, com 19,44%. Em 12 jogos, o Alvinegro empatou sete vezes e sofreu cinco derrotas, sendo o único clube que ainda não conseguiu vencer fora de casa.

Ceará com Tiago Nunes

Jogos: 7

Vitórias: 1

Empates: 4

Derrotas: 2

Aproveitamento: 33%

Gols pró: 6

Gols contra: 9

Saldo de gols: -3


Jogos com Tiago Nunes

Ceará 0x0 Santos

Ceará 1x0 Chapecoense

Ceará 0x0 Internacional

Atlético-MG 3x1 Ceará

São Paulo 1x1 Ceará

Ceará 2x2 RB Bragantino

Ceará 1x2 Palmeiras

 

Made with Flourish
Essa notícia foi relevante pra você?
Logo O POVO Mais