Politica

EUA vão doar 60 milhões de doses da AstraZeneca nos próximos meses

Medida supera ação do governo Biden no mês passado para compartilhar cerca de 4 milhões de doses da vacina com o México e o Canadá. Destino das doses inda não foi definido
Edição Impressa
Tipo Notícia Por
A vacina contra Covid-19 desenvolvida pela AstraZeneca.  (Foto: JOEL SAGET / AFP)
Foto: JOEL SAGET / AFP A vacina contra Covid-19 desenvolvida pela AstraZeneca.

A porta-voz da Casa Branca, Jen Psaki, confirmou nesta segunda-feira, 26, que os Estados Unidos doarão a outros países todo o estoque de vacinas contra a Covid-19 da AstraZeneca. "Não precisaremos usar esta vacina nos próximos meses", disse a assessora durante uma coletiva de imprensa.

Psaki lembrou que o imunizante da AstraZenenca ainda não tem autorização para o uso emergencial nos EUA, como as vacinas da Pfizer, Moderna e Johnson & Johnson. De acordo com a porta-voz, entretanto, o envio das vacinas não é imediato.

Ela estimou que em torno de 10 milhões de doses poderão estar disponíveis entre maio e junho. Os EUA doarão, no total, 60 milhões de unidades do imunizante da AstraZeneca.

A medida supera a ação do governo Joe Biden no mês passado para compartilhar cerca de quatro milhões de doses da vacina com o México e o Canadá. A vacina AstraZeneca é amplamente utilizada em todo o mundo, inclusive no Brasil, mas ainda não foi autorizada pela agência reguladora norte-americana (FDA, na sigla em inglês).

"Dado o forte portfólio de vacinas que os Estados Unidos já possuem e que foram autorizadas pelo FDA, e dado que a vacina AstraZeneca não está autorizada para uso nos Estados Unidos, não precisamos usar a vacina AstraZeneca aqui durante os próximos meses", disse o coordenador da Covid da Casa Branca, Jeff Zients. "Portanto, os Estados Unidos estão procurando opções para compartilhar as doses do AstraZeneca com outros países à medida que forem disponibilizadas", declarou Zients.

 

 

Essa notícia foi relevante pra você?
Logo O POVO Mais