Logo O POVO Mais
Politica

"Sempre fomos brothers", diz Roberto Cláudio sobre Izolda Cela

| ELEIÇÕES NO CEARÁ | Comentário do ex-prefeito sobre governadora é segundo momento na semana em que o sentimento de grupo é enfatizado entre pré-candidatos pedetistas
Edição Impressa
Tipo Notícia Por
FORTALEZA,CE, BRASIL, 20.05.2022 Prefeito José Sarto faz a entrega das obras de requalificação da Beira Mar com a participação da governadora Izolda Cela e do ex-prefeito Roberto Cláudio   (Fotos: Fco Fontenele/O POVO). (Foto: FCO FONTENELE)
Foto: FCO FONTENELE FORTALEZA,CE, BRASIL, 20.05.2022 Prefeito José Sarto faz a entrega das obras de requalificação da Beira Mar com a participação da governadora Izolda Cela e do ex-prefeito Roberto Cláudio (Fotos: Fco Fontenele/O POVO).

O roteiro do processo de escolha da candidatura do PDT ao Governo do Ceará, protagonizado pela governadora Izolda Cela e pelo ex-prefeito Roberto Cláudio, tem também cenas de companheirismo, apesar da disputa interna. Questionado por O POVO sobre a relação com a correligionária, RC respondeu: "Claro, somos brothers, sempre fomos, sempre fomos", disse descontraído durante inauguração da nova Beira Mar na noite de ontem, em Fortaleza.

Na última quinta-feira, 19, Izolda recebeu os outros três pré-candidatos do PDT no Palácio da Abolição. A foto do encontro na residência oficial foi às redes sociais dos quatro, pregando união entre eles e buscando passar a mensagem de que "este projeto não é de uma única pessoa". O deputado federal Mauro Filho e Evandro Leitão, presidente da Assembleia Legislativa do Ceará (AL-CE), são outros dois pré-candidatos trabalhistas ao Executivo estadual.

A ideia é deixar a ideia de unidade política e de projeto se sobrepor à atmosfera de disputa presente em um momento de pré-campanha, no qual é natural que cada um busque viabilizar os próprios projetos políticos, seja entre aliados, seja na opinião pública. O PT é parte importante na resolução dessa equação política, com parcela majoritária mais simpática à governadora do que ao ex-prefeito.

Roberto Cláudio esteve no evento de ontem na Beira Mar com Izolda e o atual prefeito da Capital, José Sarto (PDT). A gestão de RC (2013-2020) iniciou as obras no local, razão objetiva que justifica a presença dele no local. O ano eleitoral deu o tom político do evento.

"Na condição de ex-prefeito orgulhosamente convidado pelo nosso extraordinário prefeito Sarto e pela nossa grande governadora Izolda. Essa é uma demonstração de que quando o trabalho e a parceria da Prefeitura acontece com o Governo do Estado quem ganha é o povo", afirmou RC em coletiva.

Antes, ele, Izolda e Sarto caminharam pelo calçadão da Beira-Mar. Saindo do espigão da Rui Barbosa até as feirinhas, próximas ao Skate Park, onde fica o novo letreiro. Secretários, vereadores, deputados estaduais e federais estiveram presentes. Entre eles, o vereador de Fortaleza Adail Júnior (PDT), que tem defendido enfaticamente RC, mesmo quando isso significa criticar duramente Izolda.

A governadora disse que o ex-prefeito e os vereadores foram fundamentais para que a nova Beira-Mar tenha sido concluída. Segundo Izolda, a conclusão da obra é consequência direta da parceria que vem sendo conduzida há bons anos entre as gestões municipal e estadual. A governadora também enfatizou o papel do "nosso querido" governador Camilo Santana (PT) na concretização da obra.

Outra parceria que tem sido constantemente discutida e reavaliada nesse processo pré-eleitoral é a aliança governista entre PT e PDT. Questionado se o PT teria espaços em eventual governo dele, Roberto Cláudio apenas falou que trabalhará pela manutenção da união dos partidos da base de Camilo e, agora, de Izolda, sem citar diretamente os petistas.

"Nós estamos trabalhando para manter a nossa aliança e a aliança em nome do melhor interesse do povo cearense. Todo esforço nosso é nesse sentido, para o Ceará continuar avançando pelo bem da educação, da saúde, mas hoje é dia de Beira-Mar", disse o pedetista. Ao lado de Roberto Cláudio, o presidente da Câmara Municipal de Fortaleza (CMFor), Antonio Henrique (PDT), disse acreditar na união. "Esse partido tem a habilidade de abrir diálogo e conversar."

 

Essa notícia foi relevante pra você?